Edward Snowden ironiza grampo telefônico envolvendo Dilma e Lula

Em 18 mar 2016 - 2:13pm por redação
Edward Snowden ironiza grampo telefônico envolvendo Dilma e Lula

Edward Snowden postou no Twitter nessa quinta-feira (17) uma mensagem em que cita o grampo telefônico envolvendo a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

No post, Snowden, que foi responsável por vazar informações sobre os programas secretos de vigilância dos Estados Unidos, ironizou: “Going dark: é um conto de fadas: três anos após as manchetes de escuta de @dilmabr ela ainda está fazendo chamadas não criptografadas”, diz. 

“Going Dark” na tradução literal “ficando no escuro” é usada para se referir ao uso de criptografia em comunicações.

Snowden se refere ao caso revelado em 2013 em que a presidente Dilma foi apontada como alvo direto de espionagem da Agência de Segurança Nacional (NSA), quando Snowden entregou documentos classificados como ultrassecretos ao jornalista Glenn Greenwald.

Os documentos revelavam a escuta de conversas entre a presidente Dilma e seus principais assessores, além da espionagem da comunicação de seus assessores com terceiros.

Nessa última quarta-feira (16), o juiz Sério Moro tornou públicas as conversas gravadas pela Polícia Federal quebrando o sigilo de interceptações telefônicas de Lula, que incluem um diálogo entre ele e a presidente Dilma Rousseff.

 

Comentários no Facebook