Startup cria vaso inteligente para transformar cinzas de pessoas em árvores

Em 15 mar 2016 - 3:46pm por redação
Startup cria vaso inteligente para transformar cinzas de pessoas em árvores

Uma startup baseada em Barcelona, Espanha, quer prolongar a vida de seus clientes, mas de uma forma não muito literal. No caso, tornar seus corpos em árvores. Claro, primeiro você precisaria estar morto para ganhar uma plantinha em sua homenagem.

A Bios Incube já criou uma urna biodegradável e agora desenvolveu um sistema que visa tornar as cinzas de seus entes queridos em alimento para plantas.

Você até pode pensar que se trata de algo do qual muitas pessoas não se interessariam, afinal, adubar a árvore do seu jardim ou apartamento com os restos mortais de algum parente seu pode soar inadequado ou obscuro demais para as visitas de domingo.

Mas não é o que diz a página da companhia no Kickstarter. Uma campanha para levantar fundos para o tal sistema da árvore da vida pede 60 mil euros para tornar comercial o projeto e, a 21 dias de finalizar a campanha, a startup já conseguiu levantar mais de 42 mil euros.

Há uma boa camada de tecnologia nessa história toda, claro. Isso inclui um sensor e um aplicativo. 

Startup cria vaso inteligente para transformar cinzas de pessoas em árvores

E como funcionaria? Segundo a startup, você escolhe a planta de sua preferência, acrescenta terra no vaso inteligente, o Incube, preenche o compartimento destinado à água, coloca a urna biodegradável com as cinzas de seu amigo e posiciona um sensor no topo. A tecnologia deles faz o resto.

O sensor tem como função medir a umidade, a condutividade e temperatura do solo e o quanto de luz solar a planta está recebendo. Uma vez que isso é calculado, o vaso administra quanto de água disposta ali é necessário para regar o seu amigo e informa você caso seja preciso mudar a planta de lugar para ela receber mais ou menos luz do sol. Você só precisaria reabastecer a água uma vez há cada vinte dias, já que o compartimento tem capacidade para guardar 11 litros de água. O que te daria tranquilidade, caso você queira viajar e deixar sua planta amiga de lado, por exemplo.

Segundo a companhia, o conceito todo teve início com a ideia de transformar cemitérios em florestas. “Nós acreditamos que a morte é transformação e pode retornar a vida através da natureza”, diz a Bios Incube.  

 
 
 

Comentários no Facebook