YouTube planeja políticas mais rigorosas para punir conteúdos ofensivos

Em 6 fev 2018 - 12:26pm por videobes

O YouTube está trabalhando em políticas mais rigorosas para punir os criadores de conteúdos ofensivos e que mancham a reputação da plataforma. O anúncio foi feito através de uma publicação da diretora executivo Susan Wojcicki sobre os objetivos da empresa para o ano de 2018.
“Estamos desenvolvendo políticas que levariam a consequências se um criador fizer algo atrevido que cause danos significativos à nossa comunidade como um todo. Embora essas instâncias sejam raras, elas podem prejudicar a reputação e a receita de seus colegas criadores, então queremos garantir que possamos implementar políticas que nos permitam responder adequadamente”, diz o texto.

Conforme relata o The Verge, a decisão de criar uma política mais rigorosa vem pouco tempo depois do caso do YouTuber Logan Paul, que publicou um vídeo mostrando o corpo de uma pessoa que tinha acabado de se suicidar. A empresa retirou o seu canal da lista de publicidade e anunciou que reforçaria as restrições em torno dos canais que podem ser monetizados.

Além disso, Wojcicki afirma que para 2018 a plataforma também priorizará mais canais de comunicação entre os usuários e criadores, melhorias na área de monetização e maior incentivo a produção de conteúdos voltados para educação.

Comentários no Facebook