Facebook apresentará soluções para brasileiros afetados em vazamento de dados

Em 12 abr 2018 - 1:32pm por videobes


A Proteste, Associação de Consumidores, informou nesta quarta-feira (11) que se reuniu com a direção do Facebook, em Bruxelas, e com demais organizações que compõem a Euroconsumers para discutirem como a empresa recompensará os consumidores pelo uso indevido dos seus dados.

“Em nossa reunião de hoje, tivemos uma troca de opiniões muito aberta, frutífera e intensa com executivos do Facebook, sendo que a empresa mostrou preocupação com os direitos dos consumidores e respeito pelo nosso papel como Organização de Consumidores”, informou a entidade por nota.

A organização diz ainda que foram apresentadas três demandas claras em nome dos mais de um milhão e meio de consumidores que as entidades representam:

– Compensação para todos os consumidores afetados pelo escândalo da Cambridge Analytica;

– Compensação para os demais que possam vir a ser vítimas do uso indevido de seus dados, por meio de aplicativos que operam na plataforma do Facebook, como poderá ser evidenciado pelas investigações em andamento;

Controle de dados

Outra questão abordada na reunião, segundo a Proteste, diz respeito à transparência no uso de dados. “Os consumidores precisam ser capazes de decidir onde, quando e com quem querem compartilhar seus dados, quando querem interromper o fornecimento de dados e quando querem seus dados de volta”, diz a Proteste.

De acordo com o comunicado da associação, o Facebook comprometeu-se a retornar como soluções para os três pontos no prazo de duas semanas. “Enquanto isso, nossa advertência jurídica formal, já preparada, permanecerá pendente”.

“Como organizações de consumidores que representam um Movimento Consumerista maduro, temos expectativa de, junto com o Facebook, encontrar soluções reais e estruturais em favor dos consumidores para que estes estejam em segurança e também possam se beneficiar das contratantes evoluções técnicas”, concluiu a entidade.

Comentários no Facebook