Saiba como conectar o seu aparelho Android com uma HDTV

Em 24 abr 2018 - 3:10pm por videobes

Não importa o tamanho da tela do seu smartphone ou tablete Android, existem momentos em que você quer visualizar fotos e vídeos em algo ainda maior. A boa notícia é que existem diversas maneiras para compartilhar a sua mídia em uma TV, mesmo que não seja o modelo mais recente.

De forma geral, tudo que você precisa é de alguns apps ou adaptadores. Veja abaixo as principais opções.

Opções com cabos

Provavelmente a maneira mais simples e barata de conectar um aparelho Android com uma TV é por meio de um cabo HDMI – o padrão transmite vídeo e áudio não comprimidos por meio de um único cabo, simplificando dramaticamente a sua configuração. Esse modo também entregará a conexão mais confiável, sem o buffering e os potenciais congelamentos da transmissão wireless.

Na maioria dos casos, você só conseguirá espelhar a tela do seu aparelho na TV – neste caso, esqueça sobre usar o celular ou outros apps enquanto assiste a um vídeo na TV. Mas alguns apps como Amazon Prime Video e Netflix também podem oferecer controles de reprodução, transformando seu smartphone basicamente em um controle remoto.

HDMI

Há não muito tempo, era razoavelmente comum ter aparelhos Android com um conector HDMI. Elas não eram as conexões de tamanho completo encontradas em TVs e PCs, mas versões menores, como Mini HDMI ou micro HDMI. Se você tem um desses aparelhos, tudo que precisa fazer é comprar o cabo correspondente – HDMI para Mini HDMI ou HDMI para micro HDMI – e conectar o aparelho e a TV.

USB para HDMI

É mais provável, no entanto, que o seu aparelho Android tenha apenas uma entrada microUSB e você precisará usá-la como a saída para a TV. Para isso, será preciso comprar um conversor USB para HDMI para converter o sinal do smartphone para algo que a TV possa exibir. Esses adaptadores costumam estar disponíveis em duas versões: Mobile High-Definition Link (MHL) e Slimport.

Padrão mais antigo, o MHL possui cabos e adaptadores de dois tipos: passivos e ativos. Os cabos passivos não convertem o sinal por conta própria porque eles devem ser usados com TVs com MHL habilitado, uma variedade que deixou de existir rapidamente por conta de opções de transmissão wireless. Caso queira saber se a sua TV é habilitada para MHL, busque pelas letras MHL perto das entradas HDMI ou procure pelo seu modelo na Internet.

Se a sua TV não for habilitada para MHL, então você precisará de um cabo ativo. Esse modelo realiza a conversão do sinal e pode ser usado com qualquer televisor moderno. Mas como esse cabo faz todo o trabalho pesado, ele também exige uma fonte própria de energia, normalmente na forma de um adaptador de energia USB. Existem adaptadores que não exigem uma fonte externa de energia (eles “puxam” um pouco de energia do seu aparelho), como o adaptador Slimport para o LG G Flex 2, que consegue converter sinais para VGA, DVI, DisplayPort e HDMI.

O desafio com esses padrões é que o suporte varia de forma considerável entre as diferentes fabricantes do mercado. Por isso, é importante pesquisar quais as opções via cabo disponíveis para o seu modelo em especial antes de comprar um cabo ou adaptador.

Opções wireless

Se você prefere não ficar “preso” à TV, existem alguns caminhos para conectar o seu aparelho Android sem fios. Além de permitir que você mova seu aparelho mais livremente, eles também eles realizam a transmissão da sua mídia a partir do seu smartphone ou tablet para a TV – em vez de apenas espelhar a sua tela, de modo que você pode usar outros aplicativos enquanto assiste a um vídeo no televisor, por exemplo.

Chromecast

A maneira mais amigável ao usuário para conectar um smartphone ou tablete Android com a TV é por meio do Chromecast, do Google, que custa 35 dólares nos EUA e cerca de 300 reais no Brasil. Esse pequeno acessório é conectado no televisor e permite que você transmita vídeos e fotos a partir de aplicativos do seu dispositivo Android. É o seu aparelho que vai literalmente comandar o show, funcionando como uma espécie de controle remoto.

A configuração é muito simples. Conecte o Chromecast em uma entrada HDMI da TV e o cabo USB do gadget em uma fonte de energia. Baixe o app Google Home e siga as instruções para conectar o Chromecast com o Wi-Fi. Em apps suportados, como Netflix e YouTube, você verá um pequeno ícone de transmissão no canto superior (ou inferior) direito da tela. Toque nele, então selecione o Chromecast e a sua mídia será reproduzida na TV – enquanto você pode continuar usando o seu smartphone de forma normal.

Miracast

O Miracast é um padrão wireless mais antigo, mas ainda um alternativa viável se o seu aparelho roda o Android 4.2 (KitKat) ou Android 5 (Lollipop), por exemplo – vale notar que o Google derrubou o suporte nativo ao Miracast a partir do Android 6 (Marshmallow).

O suporte ao Miracast é embutido em algumas TVs e reprodutores de Blu-Ray, além de também estar disponível no Amazon Fire TV Stick (disponível por 289 reais no Brasil) e no próprio dispositivo da Miracast.

Para usar o Miracast, vá até o menu de configurações do seu aparelho, então escolha Display > Wireless. Coloque a chave Wireless Display no modo ON, no topo da página, e então o recurso irá buscar pelo seu aparelho Miracast. Quando ele aparecer, basta selecioná-lo. Uma vez que estiver conectado, a sua tela será espelhada na TV.

DLNA

Essa tecnologia de 15 anos atrás foi ofuscada por métodos mais recentes de streaming. Mas o DLNA, que permite que você transmita arquivos de mídia de um aparelho para outro pela sua conexão em casa, foi integrado em tantos tipos de dispositivos ao longo dos anos que você já pode ter um deles em casa sem saber.

Para aproveitar o DLNA, será preciso baixar um app no seu aparelho Android que possa realizar o streaming de fotos, vídeos e arquivos de música para a sua TV por meio de um aparelho equipado com DLNA. A nossa recomendação neste sentido é o aplicativo o AllCast, que pode fazer a transmissão para uma diversidade de gadgets, incluindo Chromecast, Amazon FireTV, Xbox 360, Xbox One, Roku; e Smart TVs da Samsung, Sony, e Panasonic.

O AllCast detecta automaticamente qualquer aparelho DLNA na sua rede. Apenas selecione aquele pelo qual você quer transmitir os seus arquivos de mídia para a TV.

O AllCast é gratuito, mas traz anúncios em destaque, e há um limite de cinco minutos para visualização de vídeos e fotos. Você pode remover essas duas coisas ao fazer o upgrade para a versão premium por 5 dólares.

Comentários no Facebook