Facebook promete 8 grandes novidades, entre elas um app de namoro

Em 2 maio 2018 - 2:43pm por videobes

O Facebook voltou às suas origens durante a conferência de desenvolvedores F8, que inaugurou na segunda-feira (30). A companhia anunciou vários novos recursos projetados para conectar sua base de usuários, ao invés de preocupá-los sobre a quantidade de dados que estava sendo sugada pelos mesmos. Entre as novidades anunciadas estão o que a empresa chamou de Watch Party, um chat de vídeo do Instagram e até mesmo um aplicativo de encontros. Cuidado, Tinder!

Como e onde o Facebook irá mudar? Reunimos os principais anúncios na lista abaixo.

1. Encontros no Facebook

Namoro? No Facebook? Você poderia dizer… é complicado. O Facebook quer estabelecer uma plataforma para “relacionamentos de longo prazo”, permitindo que você encontre seu próximo amor ou ex-amor em sua plataforma, disseram executivos do Facebook aos desenvolvedores da F8.

E como vai deixar você fazer isso? “As pessoas poderão criar um perfil de namoro separado do perfil do Facebook – e as possíveis correspondências serão recomendadas com base nas preferências de namoro, coisas em comum e amigos em comum”, segundo o Facebook. Isso significa que o Facebook vai levar todos os gostos para bandas obscuras que você provavelmente não gosta mais e usá-los para encontrar seu próximo parceiro de vida. Pelo menos, usará apenas o seu primeiro nome. Nós mencionamos que precisa de dados para fazer isso?

2. Watch Party

“Vamos dizer que seu amigo está testemunhando no Congresso”, disse Zuckerberg, com um grande sorriso, ao introduzir o novo Watch Party – uma ferramenta de importar um vídeo para o Facebook e depois organizar uma sala de bate-papo. A referência do executivo lembra das sabatinas a qual foi, recentemente, submetido às perguntas dos legisladores dos EUA. Uma associação, convenhamos, levemente embaraçosa.

Assistir a vídeos on-line coletivamente já foi tentado no passado, mas o Facebook pode ter o alcance para finalmente fazê-lo dar certo. Mas você lembra de quando um vídeo ao vivo do Facebook realmente foi algo interessante? Pois é, isso será substituído pela Watch Party? Esperamos para ver.

3. Limpe seu Histórico

O Facebook sempre se esforçou para deixar você escapar de suas garras. Embora a Microsoft tenha ofereça numerosos controles de privacidade para minimizar seu uso de dados, o Facebook disse que “está construindo” uma ferramenta chamada Clear History (Limpar Histórico), que permitirá que você veja quais dados o Facebook coletou de aplicativos e sites e permita que você, também, os limpe. Zuckerberg alertou os usuários de que o Facebook “não será tão bom” sem esses dados adicionais, mas pelo menos você terá mais controle sobre o que está sendo compartilhado.

Naturalmente, o Facebook ainda fornecerá aplicativos e sites com análises agregadas. “Podemos fazer isso sem armazenar as informações de maneira associada à sua conta”, afirmou o Facebook. Está bem então

O Clear History está previsto para os próximos meses, provavelmente depois de todas as críticas às práticas de privacidade do Facebook terem diminuído.

4. Chat de vídeo no Instagram

Muitas pessoas não percebem que o Instagram é de propriedade do Facebook, e é provavelmente por isso que os chats de vídeo no estilo Messenger estão chegando ao Instagram.

5. Efeitos de AR para Instagram

Na conferência F8 de 2017, o Facebook anunciou sua plataforma de câmera de realidade aumentada. Os criadores do AR Studio poderão projetar filtros de rosto e efeitos do mundo e compartilhá-los com seus seguidores da rede social de fotos e vídeos.

6. Chamadas em grupo do WhatsApp

Depois que se lançou o vídeo e as chamadas de voz, para onde você pode ir a partir daí? As ligações em grupo chegarão ao WhatsApp nos “próximos meses”, disse o Facebook.

7. Traduções

O Facebook costumava usar o Microsoft Bing para traduções, mas agora ele usa seu próprio mecanismo por meio do recurso do Marketplace. Agora se encontra disponível apenas espanhol para inglês, mas o Facebook espera adicionar mais idiomas no futuro.

8. Resposta à crise

Lembra quando Mark Zuckerberg “praticamente” visitou Porto Rico, passeando por cenas de destruição? Agora você terá a chance de contribuir com as cenas conforme elas acontecem! Com toda a seriedade, esse último recurso tem alguma utilidade, já que a metragem crowdsourced se tornou uma maneira inestimável de relatar eventos em tempo real. O recurso “Resposta à crise” será lançado no final deste ano, como forma de compartilhar informações que vão desde o fechamento de estradas até interrupções em tempo real.

Comentários no Facebook