Hacker estão comprando protótipos de iPhone no mercado negro para invadir o iOS

Em 8 mar 2019 - 3:33pm por videobes


Poucas pessoas conhecem esse tipo de ação, mas os protótipos de iPhone estão sendo roubados da linha de produção da Apple na China e vendidos no mercado negro para hackers que tentam invadir o iOS. Uma reportagem do site Motherboard relatou que dispositivos que ainda não foram lançados estão nas mãos de pessoas que buscam encontrar vulnerabilidades no sistema operacional da empresa de Cupertino.
O co-processador de segurança Secure Enclave Processor (SEP), que trata da criptografia de dados do iPhone, tem sido o principal objeto de estudo do especialista em segurança Mathew Solnik e sua equipe. O objetivo é analisar como o chip projetado para manter iPhones seguros está revelando vulnerabilidades, e conseguir entender o caminho que os hackers vêm usando.

Solnik teve acesso a um iPhone desenvolvido para uso interno da Apple e que funciona como um protótipo. Permitindo testes com muito mais facilidade do que os dispositivos vendidos nas lojas, ele é semelhante aos que chegaram ao mercado negro e possibilita explorar melhor o sistema.

Uma das conclusões de Solnik na investigação foi que até mesmo grandes empresas hackeiam o iOS para encontrar bugs valiosos que podem mais tarde ser explorados por governos e agências de segurança. Ainda, segundo a reportagem do Motherboard, diversos telefones são usados como “centrais” para ajudar a desenvolver máquinas como a Cellebrite – usada pelo FBI para entrar no iPhone 5C de um terrorista em 2016 – que permitem a invasão nos telefones.

Por fim, a reportagem conclui que o mercado de revenda de protótipos de iPhones (onde cada um pode ser adquirido por cerca de US$ 1.800) está florescendo e que a Apple ainda é capaz de deter esse tipo de prática.

Comentários no Facebook